É que não faz sentido caminhar sem dar a mão pra você
Se você tiver que chorar, chore como as crianças. Você já foi criança um dia, e uma das primeiras coisas que aprendeu em sua vida foi chorar; porque faz parte da vida. Jamais esqueça que você é livre, e que demonstrar emoções não é vergonha
THEME ©

" Olhava o visor do celular na esperança de tocar e ser um sms ou uma ligação dele. Ficava naquela angústia de saber se ele estaria pensando nela e mandasse um sms dizendo o quanto à amava. O dia todo era assim, ela se segurava pra não mandar nenhum sms, o orgulho era maior. O celular vibra, era ele. Ela sorri como uma criança feliz brincando com sua boneca, abre o sms e lê: “Eu te amo de verdade, quero ficar contigo, ser seu companheiro e viver uma vida ao seu lado. Me espera, eu juro que vai valer à pena “. Ler aquilo deixou ela com uma sensação boa, uma sensação de amor correspondido. Todos os dias era assim, mas com o tempo isso foi diminuindo, ele ia se esquecendo dela, aos poucos. Aos poucos parava de se importar e isso deixava ela mal, pra baixo e triste. Ele nem percebia isso, ou percebia e fazia de próposito. Ela não dizia nada, tinha medo da resposta dele. A vida dela era toda dedicada à ele, e o que ele fazia? Nada. Tratava ela como se ela não fosse nada pra ele, apenas ignorava ela e isso não era nada bom. O tempo ia passando e a dor aumentava no coração dela, ela queria falar, botar pra fora com palavras mais não conseguia, então, todas as noites ela chorava, chorava e chorava, na esperança de que sua dor diminuísse, mas não diminuia. Ela foi parando de se importar e tomou a decisão de desistir, isso estava lhe fazendo mal e ela não queria isso pra sua vida. Dizem que desistir é para os fracos, ela não era fraca, ela apenas percebeu que aquilo não estava lhe fazendo bem e decidiu deixar isso no passado. Ela era forte por ter aguentado tanta coisa calada, ler coisas e sorrir pra não ter que chorar. Ela sempre o amou e sempre vai amá-lo mas continuar com aquilo não dava mais, não mesmo. Era melhor colocar um ponto final em tudo. "
Anna Luisa. (via oisoumuitociumenta)

" Vocês dois podem não ter nascido como almas gêmeas, tampa da panela, destinados e essas bobeiras que vocês usam como desculpa pra não estarem juntos. Tu pode contar pra ele que o teu novo cara dos olhos verdes te mandou umas flores bonitas (que ele não sabe falar nem o nome) e ele pode te falar das gêmeas ruivas que “sabiam fazer uma parada muito louca com a língua”, mas mesmo assim… Ele ainda te olha com o canto do olho esperando você esboçar um ciúme qualquer e você ainda espera que ele diga “ah, mas nem as línguas delas superam o teu cafuné”. Vocês dois podem estar separados há eras, podem ter se perdido e encontrado na cama de outras pessoas, mas sempre vão achar o caminho de volta um pro outro. "
“Vocês dois”, Vinícius Kretek. (via embriagado)